Chile · Dicas · Passeio · Restaurantes · Viagem · Vinhos

Chile – Como alugar um carro, Viña Indómita e Viña del Mar

Acho que esse post vai ser muito útil, eu nunca tinha alugado um carro em outro país (nem aqui, aliás) e se você está neste mesmo barco, vou te ajudar!

Quando fizemos o roteiro da nossa viagem para o Chile, conhecer Viña del Mar e pelo menos uma vinícola do Vale Casablanca estava entre as prioridades. Há diversas maneiras de você fazer isso, agência de turismo, ônibus de viagem, mas optamos por alugar um carro pela liberdade de podermos fazer nossos horários tranquilamente.

DSC04495

Escolhemos a Chilean Rent A Car que fica em Providencia, bem perto do Patio Bellavista. Alugamos nosso carro no domingo de manhã, mas passamos na locadora um dia antes para reservar o carro, essa dica é fundamental, porque no final de semana em alta temporada pode apostar que vai estar cheio e se você não reservar antes, corre de não ter mais veículos disponíveis. Escolhemos a categoria mais básica e se essa também for sua escolha reserve MESMO, são os primeiros a serem alugados! Nosso carro era um  sedã da Renault, zero luxo porém confortável.

O processo em si é bem simples, há algumas regras:

  • Idade mínima 23 anos. São aceitos condutores com idade entre 20 e 22 anos, caso em que o valor da franquia do seguro (franquia) é dobrado.
    • Apresentar uma carteira de habilitação e carteira de identidade ou passaporte válidos . Você pode dirigir com uma licença nacional válida. Não é necessário ter uma licença internacional.
    •  Cartão de crédito: (MasterCard, Visa, Diners Club ou American Express) com limite equivalente ao valor do aluguel mais $ 350.000 pesos como garantia e validade por pelo menos 3 meses após a data do termo do aluguel
    • O pagamento do aluguel deve ser feito antes do início da locação.

* A garantia é uma dedução que é feita no cartão de crédito durante o prazo da locação. A garantia será cancelada quando o contrato for encerrado em nosso escritório. 

Essa garantia é tipo um cheque caução, mas só que pelo cartão de crédito, eles debitam esse valor ENORME, mas quando o carro é entregue ele é cancelado sem nenhum problema.

Voltando sobre o dia do aluguel, como a gente já tinha resolvido tudo no sábado, teoricamente no domingo era algo rápido TEORICAMENTE, porque estava lotado! Chegamos lá umas 10:30 e pegamos o carro mais ou menos meio dia. É um processo lento porque na hora de pegar o carro ele confere cada avaria e vai anotando.

Nossa ideia era pegar o carro domingo de manhã e devolver no final do dia, mas por conta desse atraso devolvemos somente na segunda-feira pela manhã, o que não é nenhum problema porque o aluguel vale por 24 horas.

DSC04369

Depois dessa maratona, partimos rumo a Viña del Mar, nossa primeira foi na Vinícola Indómita, ela fica mesma estrada e só é necessário pegar um retorno. Primeiro fizemos o tour e depois almoçamos. Eu já falei sobre a vinícola aqui, mas vale frisar que é um lugar maravilhoso, foi um dos visuais mais bonitos durante o almoço que tive na vida, os vinhos são ótimos!

DSC04372
Entrada da Indómita

De volta para estrada, nossa segunda para foi no Museu Fonck, que já estava fechado quando chegamos, mas valeu a pena mesmo assim, Moai original da Ilha de Páscoa fica fora do museu, foi algo bem rápido mas eu amei ter a oportunidade de ver de perto um dos poucos Moais que estão fora do seu país de origem.

DSC04428

De lá fomos para Viña, usamos o Relógio de Flores para nos localizar e depois de um tempo procurando uma vaga, fomos para em direção da praia. O tal do relógio é LOTADO, e não tem nada demais, uma foto e pronto! A praia é enorme, limpa e com a água ABSURDAMENTE GELADA. Molhamos os pés e ficamos um bom tempo sentados na areia admirando e descansado. Vale levar na mala uma canga e lanchinhos para aproveitar o tempo lá.

DSC04427

Como vocês já devem ter percebido, não passamos em Valparaíso dei uma pesquisada e li alguns relatos de furtos e achamos dispensável, mas isso foi a nossa escolha.

DSC04456

Alguns pontos

  • As estradas são ótimas, tranquilas e bem sinalizadas;
  • Se você não tiver comprado um chip para usar a internet/waze, na locadora de carros há opção de você também locar o GPS;
  • Leve trocados porque erramos um caminho e tinha um pedágio;
  • Como não esperávamos ficar com o carro durante a noite, então não programamos onde estacionaríamos o carro, aí foi um pouco difícil de achar um lugar, então recomendo ver isso antes do aluguel;
  • É um experiência incrível percorrer estradas de outro país com total liberdade e companhia de quem você ama ❤
Anúncios
Maquiagem

Dois produtos que uso diariamente – RK By Kiss

Como (quase) tudo na vida, maquiagem não precisa ser milionária para ser boa. Eu não costumo arriscar em marcas que eu não conheço, por isso a RK By Kiss foi uma ÓTIMA surpresa.

IMG-5706

Ganhei de aniversário esse iluminador e uma paleta de sombras (que também amei, mas é algo que eu não uso sempre).

Há anos usava o Vult Solei como blush, mas não andava muito feliz com ele, sabe quando você passa pouco produto e mesmo assim acaba manchando o rosto? Pois é, então quando minha tia me deu este eu fiquei empolgada.

A cor é linda o meu é o Bronzed Glow, uso como blush e como ele tem bastante brilho também substitui o iluminador. Fica bem bonito na pele e dura um dia inteiro. A embalagem é grande, protege bem o produto, dei uma pesquisada na internet e o preço médio é de 25 reais, o que eu acho mais que justo já que vai durar uma vida inteira hahhaha (mentira, eu passo bastante todos os dias), vi no site que tem mais três cores e acho que quero, porque todas são lindas!

E o outro produto eu comprei, se você morou no planeta Terra no último ano, sabe que está na moda valorizar as sobrancelhas, né? Mas aposto que você também sabe que tem algumas pessoas que fazem isso muito errado e fica parecendo que passou graxa em cima do olho, né? Ou ainda pior, fez aquela definitiva que ficou ohhh (uma bosta!)

Minha sobrancelha sempre foi um pouco grossa e dei graças que a moda da sobrancelha fina passou, passei algumas tardes da adolescência tirando a bendita! Hoje só tiro o excesso, mas apesar dela ser grossa, tem falhas e por isso gosto de ajeitá-las com esse tipo de produto, que nada mais é que uma sombra.

Usei durante anos um duo desses da marca Anaconda, mas nunca mais encontrei para comprar, aí me lasquei, comprei de duas marcas diferentes, uma delas da Dailus e a cor, até a mais escura, ficava terrível na minha pele, fora que ela ficava esfarelando e a durabilidade era péssima.

Vi esse da Rk na perfumaria perto do trabalho e pensei algumas vezes antes de levar, ele custou cerca de 35 reais, mas já vi mais caro na internet.

A cor que eu uso é a Black Dark Brown, mas tem duas opções mais claras, a durabilidade é ótima e fica bem natural, gosto muito. Vem um pincel bem digno também!

Bares · Buenos Aires · Dicas · Viagem · Vinhos

Florería Atlántico tem que ir – Buenos Aires

Quem está sumida e quem está com saudades de Buenos Aires? Pois é, eu mesma!

Você sabia que o melhor bar da América do Sul fica em Buenos Aires? Mais especificamente na Calle Arroyo, no bairro Recoleta. O nome não é por acaso, o bar realmente fica em um floricultura, na verdade, no porão da loja de flores e vinhos.

IMG-0928 (1)

É bem estranho entrar lá e se deparar com uma porta grande e pesada, é só abrir e entrar, ao contrário do que pode parecer, ninguém vai te impedir de fazer isso.

IMG-0927Vale lembrar que é um dos lugares mais badalados da capital portenha, fomos em um sábado e estava cheio, mas com algumas mesas vazias, aí fui lá falar com a atendente, o som alto, eu e o meu espanhol capenga entendemos que se as pessoas não chegassem até tal horas poderíamos usar a mesa e foi mais ou menos isso que aconteceu hahaha

IMG-0944 (1)

Estávamos em quatro pessoas, sentamos felizes e pedimos uma porção de lagostins, um vinho branco maravilhoso e quando estávamos nos preparando para pedir mais coisas veio a atendente e disse, “Então, conforme a gente tinha combinado, agora vocês tem que sair da mesa porque ela tá reservada”, não entendemos é nada, mas levantamos tristemente, já que queríamos ficar mais, beber mais, comer muito mais!

IMG-0942

Eles fazem reserva apenas pelo telefone (+5411) 4313-6093, eu recomendo muito vocês reservarem porque o lugar é incrível, tem uma ótima carta de vinhos e drinks e boas opções de comida. Só o som que achei muito alto, mas deve ser porque eu tô ficando velha.

Restaurantes · SP

Casa de Francisca – Um amor em SP

No post sobre São Paulo eu falei o quanto eu gosto da parte central da cidade, como meu pai trabalhava na região, no começo da faculdade eu ia bastante almoçar com ele e passeávamos bastante por lá. Quando vou na 25 de sábado gosto de descer na Sé e ir andando até lá.

IMG-6612

Por um acaso, eu sempre passei perto da Casa de Francisca, que fica na esquina da Rua Quintino Bocaiuva com a Rua Direita, a casa foi inaugurada em fevereiro de 2017, mas confesso que não sabia da sua existência, só quando meu marido foi almoçar lá em dezembro que conheci. Depois disso ele insistiu MUITO para irmos, mas confesso que não dei tanta atenção, mas um sábado coincidiu de uns amigos estarem lá e fomos encontrá-los.

IMG-6591

Se você for de carro, já aviso que você tem duas opções: pagar um estacionamento absurdo ou procurar uma vaga e estar disposto andar um pouco (ou muito), escolhemos a segunda alternativa e foi bem tranquilo.

Chegando lá, ao entrar no prédio já fiquei empolgada, é um lugar apaixonante! O imóvel foi  a primeira loja de instrumentos e partituras da cidade e ainda há um espaço para venda de instrumentos. O salão é em formato de L, tem uma pequena arquibancada, mesas que são bem disputadas e um palco. O show do sábado era uma delícia, super animado.

As janelas ficam abertas e você pode ficar em uma das varandas, eu fiquei apaixonada por estar em um lugar tão bonito, com uma boa música e estar exatamente no centro de SP.

IMG-6588

O cardápio é bem limitado e alguns pratos já tinham acabado na hora que conseguimos uma mesa, lá pras 14h. A carta de vinhos é ótima e tem boas opções. O sistema de atendimento é bem simples, você vai no caixa, faz  seu pedido, vai para o balcão e retira seu prato. No final paga tudo de uma vez.

43

Eu não pedi prato principal, e sim, duas entradas que estavam ótimas! O ceviche e o falafel, meu marido escolher o arroz de rabada e vi que o picadinho estava com uma cara ótima!

Vale lembrar que os pratos não são grandes e os preços são um pouco salgados. Também há cobrança de couvert, mas vale todos os reais gastos! Vale pelo ambiente, pela música, pela gastronomia, só acho que dá pra dispensar a sobremesa porque minha torta de limão era minúscula. O espaço fecha às 16h, eu achei uma pena porque lá é tão gostoso que passaríamos o dia todo. Queria voltar amanhã ❤

IMG-6589

Dica: Fomos no sábado, mas durante a semana há opções de menu por R$44 ou R$51 que valem muito a pena!

Dicas · Livros

Livros que me fizeram chorar

Faz tempo que não faço um post sobre livros, mas eu continuo firme e forte na leitura em 2018.

Entrando na categoria Livros aqui do blog você pode perceber que eu amo trillers, desses com reviravoltas e de tirar o fôlego, mas romances ainda aquecem meu coração, por isso vou falar de duas obras que li recentemente e que me deixaram emocionada.

nossa-musica-dani-atkins-minha-vida-literaria-209x300Nossa músicaDani Atkins da Editora Arqueiro foi lançado na metade do ano passado e li há umas duas semanas, a história envolve basicamente quatro pessoas: Ally, Charlotte, David e Joe.  Oito anos depois do último encontro, o que Ally menos deseja é rever o ex e sua bela esposa. Porém, o destino tem planos diferentes e, ao longo de uma noite decisiva, as duas mulheres se reencontram na sala de espera de um hospital, temendo pela vida de seus maridos. Diante de incertezas que achavam ter vencido, elas precisarão repensar antigas decisões e superar o passado para salvar aqueles que amam. Os capítulos são intercala dos fatos passados com momentos presentes nas visões de Ally e Charllotte, eu gostei muito desta estrutura porque você acaba conhecendo bem as duas.

Por mais que, inevitavelmente, você acabe gostando mais da Ally, neste artifício narrativo da Dani, você acaba pelo menos compreendendo a Charllote. Eu não achei o livro imprevisível, porém achei os fatos finais extremamente tocantes, antes do desfecho eu fechei o livro e passei uns bons minutos chorando, quando voltei para ler o final, achei algo tão raso, tão infantil que não me agradou! Sabe final de novela ruim? É o que acontece com este livro, que é 98% genial, bem escrito e inteligente, por isso eu esperava um término a altura. Vale lembrar que a lição passada pelo livro é válida e me fez refletir sobre momentos da vida, mas a Dani Atkins me decepcionou, da autora eu indico A Curva no Tempo, esse sim 100% maravilhoso.

eusemvoce_capaweb.jpg.200x300_q85_upscaleEu sem Você, Kelly Rimmer da Editora Arqueiro,  Há um ano, conheci o amor da minha vida. Para duas pessoas que não acreditavam em amor à primeira vista, até que Lilah e eu chegamos bem perto de dizer que isso aconteceu conosco. Eu tinha um bom emprego em uma agência de publicidade e não fazia outra coisa além de trabalhar. Era incapaz de tomar decisões sobre meu futuro e minha casa inacabada e não sabia aproveitar a vida. Até conhecer Lilah.  Lilah MacDonald era uma advogada ambientalista linda e decidida – e, para minha surpresa, detestava usar sapatos. Era uma pessoa tão maravilhosa que é até difícil descrevê-la. Nosso relacionamento não poderia ser mais improvável, mas me transformou profundamente. Comecei a enxergar as coisas de outra forma e a redescobrir antigas paixões. Lilah me ensinou a viver outra vez e a aproveitar ao máximo tudo o que a vida tem a oferecer.  Ela me proporcionou momentos incríveis, mas também manteve em segredo algo que partiu meu coração. Ainda assim, se há uma coisa que aprendi com Lilah é que o amor pode curar qualquer ferida.  Meu nome é Callum Roberts e esta é a nossa história.

Esse livro me cativou já nas primeiras páginas, achei os personagens Lilah e o Callum bem construídos, você consegue imaginar e desenhar bem cada um deles, mas desde o início você percebe que existe algo errado com Lilah, não vou dar nenhum tipo de spoiler, mas isso é o que norteia todo o rumo da história. O que eu adianto é que é algo tão emocionante e transformador que tem a capacidade de ser tão profundo a ponto de nos fazer repensar atitudes e se colocar no lugar da personagem.

A narrativa é simples, feita pelo Callum e com trechos do dicionário de Lilah, sem grandes acontecimentos ou reviravoltas a história é tocante sem ser apelativa.

O desfecho é de partir o coração, chorei alguns litros, me recompus fui contar a história para o meu marido e chorei novamente. Vale a leitura!

 

Restaurantes · SP

T.G.I Fridays uma boa opção!

Em um domingo chuvoso estávamos com ingressos para uma peça, com preguiça de cozinhar e sem ideia de onde almoçar, dei uma olhadinha no Peixe Urbano que sempre salva nessas horas.

IMG-5262

Uma da ofertas era do T.G.I Fridays, aquela mesma americana super famosa, nunca tinha ido e foi uma ótima oportunidade para conhecer. O valor do cupom era algo em torno de 60 reais com direito a dois pratos e dois refis, achei ótimo. Na oferta era inclusa 4 opções de pratos:

  • Blackened Chicken Alfredo Fridays – Sofisticado e cremoso fettuccine Alfredo, coberto com peito de frango ao estilo New Orleans (Cajun) , tomates frescos e cebolinha
  • Ribeye Steak – Delicie-se com um Ribeye Steak de 220g, o mais saboroso dos bifes com o mamoreio perfeito para uma textura macia. Perfeitamente temperadado e grelhado exatamente como você gosta, regado com manteiga Maison, servido com vegetais do chef e Garlic Mashed Potatoes
  • Pineapple Mojito Tilápia – Tilápia grelhada sobre o arroz pilaf. Servida com o Pineapple Mojito Pico de Gallo, brócolis ao vapor e um toque de limão
  • Chicken Fingers (4 Fingers) – Além de crocantes e dourados, os chicken fingers são macios e suculentos. Servidos com o molho Honey Mustard e fritas crocantes temperadas

4beebf07-a070-4cde-8d56-9f5c3194dda9

Pedimos as primeiras opções e não nos arrependemos! O prato vem bem servido e é muito gostoso. O atendimento também foi rápido e eficiente.

9f208c1a-35ac-420b-b8d7-f19caab8ab41

Apesar de ser um almoço tranquilo de domingo, fiquei com muita vontade de voltar no happy hour, eles tem boas promoções e um ambiente bem bonito! Pena que durante asemana o lugar não é de fácil acesso para mim, fica na Av. Cidade Jardim, 56 – Itaim Bibi.

IMG-5259

Mas sem dúvida quero voltar! Os hambúrgueres também me pareceram ótimos!

Chile · Dicas · Passeio · Viagem

Três museus em Santiago

Museus sempre entram na nossa programação nas viagens, quando estávamos planejando nossa ida ao Chile logo no começo das pesquisas o que mais chamou a nossa atenção foi o Museu de Arte Precolombino e também foi super bem indicado por amigos.

DSC03324

Ele foi nosso primeiro passeio no primeiro dia em Santiago, localizado no centro da cidade esquina das ruas Bandera e Compañia e do ladinho do Él Rápido foi bem fácil chegar. A entrada custa 6 mil pesos para estrangeiros, mas tem meia para estudantes e no primeiro domingo de cada mês é gratuita.

O prédio é estilo neoclássico e foi construído em 1805 para abrigar o Palacio Real Aduana, e é lindo por dentro, tem um café no térreo e um pátio aberto . Lá estão expostos mais de duas mil peças do período pré-colombiano. Suas peças mais valiosas são as múmias Chinchorro, que antecedem 3.000 anos as múmias do Egito.

DSC03332

No andar subterrâneo fica a exposição  Chile antes de Chile, minha preferida! As peças são impressionantes, mas a forma como elas estão expostas, a iluminação e as cores compõe valorizam os objetos, fiquei encantada por esta parte!

DSC03345

O primeiro piso é dedicado às exposições temporárias e no segundo a exposição América Precolombina conta com objetos de povos que habitavam a América antes da chegada dos espanhóis. O museu não é grande, mas ficamos umas boas horas lá, considero esse passeio imperdível.

DSC04096

Se o primeiro museu que fomos já estava nos planos, o segundo foi por puro acaso, estávamos passeando no centro e vimos que o Centro Cultural La Moneda estava como uma exposição do Andy Warhol eu que sou fã do artista insisti para irmos.

DSC04044

O espaço é muito bonito, fica literalmente embaixo do Palácio de La Moneda, e a entrada custa 3 mil pesos e até ao meio dia é gratuita, pelo site dá para ficar por dentro da programação. Eu não achei as exposições fixas tão legais, então só recomendo se a principal estiver boa ou se você for no horário que a entrada não é cobrada, aí sim vale o passeio!

 

E o último La Chascona como não querer conhecer a casa do Pablo Neruda, ganhador do Prêmio Nobel de Literatura? Eu não tive dúvidas!  Localizada próximo ao Pátio Bellavista, a casa é uma das três de Neruda espalhadas pelo país.

DSC04291

La Chascona é uma referencia ao cabelão de Matilde Urrutia que foi o amor secreto de Pablo Neruda na década de 50. A entrada custa 7 mil pesos, também tem meia entrada para estudantes e ao entrar você recebe um equipamento com uma visita guiada em português. Não é permitido tirar fotos de dentro da casa, uma pena, já que ela é toda peculiar!

DSC04307

A coleção de objetos é muito interessante, mas algo que me marcou na visita é saber que durante a ditadura chilena,  poucos dias antes da morte de Neruda, a casa foi vandalizada e inundada, mas Matilde insistiu que o corpo do poeta fosse velado nela, há imagens deste dia e é realmente tocante. Os jardins são lindos, dá vontade de sentar e ficar! Ao final tem uma lojinha com algumas coisas bem legais (e caras!). Ou seja, é um bom programa.

DSC04331